Usando imagem de Drone / VANT no Geocloud

drone-terreno3-mosaico-dem

O uso de drones se tornou a mais nova ferramenta para monitoramento de áreas urbanas ou rurais, seja para construção civil, fiscalização ou licenciamento ambiental. Em apenas alguns minutos, uma área de alguns hectares é fotografada já georeferenciada, pronta para uso em ferramentas GIS. Usar uma imagem de drone no Geocloud é muito simples, quer ver?

Obter a imagem

Seja multi-rotor (quad, hexa ou octacóptero) ou avião, o processo é o mesmo: o drone, equipado com uma câmera e gps, tira as fotos do local desejado. Usando o track do GPS, as fotos são geotageadas e combinadas numa única imagem-mosaico. Este mosaico então é georeferenciado usando pontos de controle para uma melhor precisão. A imagem deve estar na projeção Geográfica/WGS84, EPSG:4326.

terreno-mosaico
Esta imagem pode ser usada também para produzir um DEM (Modelo Digital de Terreno) e curvas de nível.

Produzir o Cache de Tiles

Agora que temos o mosaico, temos que gerar o cache de tiles. O Tile é um arquivo de imagem, JPG ou PNG, de 256×256 pixels. Este formato é padrão para aplicações de mapas por ser disponível estaticamente, ou seja, não é preciso um servidor WMS para acessar a imagem, apenas em um diretório.

Estes tiles são criados em uma estrutura X/Y/Z, onde o nome do tile é único e essa estrutura indica a coordenada onde ele se encontra. Softwares diferentes usam estruturas diferentes. O Geocloud é compatível com a estrutura de Cache de Tiles adotada pelo Esri ArcGIS Server e pelo Maptiler, ferramenta grátis que usaremos neste tutorial, disponível neste endereço.

Agora veja o passo a passo de como criar o cache de tiles e utilizá-lo no Geocloud: